quinta-feira, 20 de maio de 2010

V ENCONTRO REGIONAL SUL DA EDUCAÇÃO INFANTIL






















Um comentário:

  1. Núcleo de Estudo e Pesquisa em Educação de Zero a Seis anos – NEPE/FURG22 de maio de 2010 16:36

    MOÇÃO

    O Núcleo de Estudo e Pesquisa em Educação de Zero a Seis anos – NEPE, vinculado ao Instituto de Educação da Universidade Federal do Rio Grande, desde 1996, vem desenvolvendo projetos de ensino, pesquisa e extensão voltados para questões relacionadas a políticas públicas, currículo e formação de professores(as) de Educação Infantil. O núcleo agrega uma serie de pesquisas e produções na área da educação da pequena infância e desde 1999 participa ativamente das discussões políticas do Fórum Gaúcho de Educação Infantil e do Movimento Interfóruns de Educação Infantil do Brasil - MIEIB no que ser refere às lutas pelo Direito à Educação de qualidade das crianças de zero a seis anos.

    Neste sentido, não podemos deixar de nos posicionar diante da questão da idade de ingresso da criança no Ensino Fundamental e em especial a alteração proposta pelo Senador Flávio Arns no Projeto de Lei nº 6755/2010, à redação dos artigos da LDB nº 9.394/96: 4º (inciso IV); 6º; 29º; 30º (inciso II); 32º; 58º (parágrafo 3º) e 87º, parágrafos 2º e 3º (inciso I) que fere a concepção de Infância .

    REPUDIAMOS o PL 6755/2010 (original PLS 414/2008) que pretende antecipar a matrícula das crianças no Ensino Fundamental dos 6 para os 5 anos de idade.

    DEFENDEMOS o Direito à Educação Infantil em espaços pedagógicos e processos educativos específicos ao desenvolvimento das crianças até os seis anos de idade.

    Consideramos que esta antecipação é um grave desrespeito à INFÂNCIA e “um roubo ao direito das crianças” de vivenciarem experiências lúdicas e educativas vinculadas às múltiplas linguagens, eixo articulador do currículo na Educação Infantil, diferente da “cultura escolar” e “produtivista” que infelizmente as crianças de 6 anos já vivenciam ao ingressarem no Ensino Fundamental de 9 anos.

    Solicitamos o apoio da sociedade civil e a mobilização junto aos senadores, deputados, gestores, professores e pesquisadores nesta luta. Desejamos que este debate seja realizado com a seriedade, o respeito e o espírito democrático que as crianças merecem.


    Rio Grande, 11 de maio de 2010.

    Núcleo de Estudo e Pesquisa em Educação de Zero a Seis Anos - NEPE
    Universidade Federal do Rio Grande - FURG

    ResponderExcluir